No final das contas

No final das contas, o que conta são os almoços em família, os abraços apertados, as tardes com os amigos, o jantar à luz de velas, a viagem pra Floripa, a comida da vovó, o show da sua banda favorita, o anel de formatura, o amor da sua vida, o sorriso sem motivo, o fim de tarde lendo um livro, o amor sem nada em troca, a amizade duradoura, as brincadeiras de infância... e não a conta bancária, nem os bens materiais, nada que o dinheiro compra.

O que conta não são os trabalhos por fazer, os mal entendidos, as preocupações pequenas e, às vezes, sem motivo. Nem as discussões diárias, o stress do dia-a-dia, o cansaço ou as noites mal dormidas.

O que conta é o que se leva dessa vida. É o que fica na alma e na memória, e não na Terra.

6 comentários:

  1. haha queria viver de acordo com esse texto mas...
    Ultimamente só o stress ta contando mesmo...
    pq to vivendo para a engenharia. Nem vida social tenho mais :(
    Beijinhos,
    http://www.interacaoliteraria.com/

    ResponderExcluir
  2. Quando formos embora, nada do que temos vai com a gente - só o que vai sobrar é a forma como marcamos as pessoas ao nosso redor. É claro que temos que conseguir nos manter financeiramente, mas isso não é o mais importante. Pra que ter tudo, se você está sozinho?

    Beijos, Luu
    Degradê Invisível

    ResponderExcluir
  3. Huuuuum! Texto gostoso de ler! Com cheirinho de mar e aquela sensação boa de dormir na rede.
    Não sei, mas acho que esse texto tem jeitinho de que conta.
    Amei o texto!
    Um beijo ;*

    Juliana . Oliveira
    www.trocandoconceitos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Que texto bonito, concordo o que fica é na memória e na alma, ou seja, nada de bens materiais.

    Beijinhos ♥
    Meu blog: Gabi e o mundo secreto ♥

    ResponderExcluir
  5. Olá, Amanda!
    Ah, falou e disse! Não levamos bem materiais conosco e é triste saber que muitas pessoas são infelizes por não terem condições de comer, de se manter, porque a desigualdade acaba com um mundo onde todos poderiam ser felizes.
    O que conta muitas vezes são os nossos atos. Não devemos brigar, devemos nos entender. Devemos dar valor àqueles que amamos e dizer sempre para eles que amamos.

    Um beijo
    Rayssa
    http://diariosdleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Flor amei, realmente, o que conta são os bons momentos vividos, boas lembranças..
    To seguindo aqui flor, pode retribui?
    Blog: http://ingridegoes.blogspot.com.br/
    Fan page: http://goo.gl/hNmEGx

    ResponderExcluir

© Marcas Indeléveis - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Andréa Bistafa.
http://i.imgur.com/wVdPkwY.png